Smart fortwo eléctrico

Publicado em 22 de Agosto de 2009 |

A Smart confirmou o lançamento de uma versão totalmente eléctrica do Smart Fortwo no próximo ano. É na fábrica de França, em Hambach, que será feita a produção das primeiras unidades do Smart ED (Electric Drive), uma versão totalmente eléctrica do pequeno veículo equipada com baterias de iões de lítio fornecidas pela Tesla Motors. A Tesla Motors passou a ter 10% do seu capital com o grupo Daimler.

O Fortwo ED (Electric Drive) estará equipado com um motor eléctrico de 41 cavalos de potência, capaz de proporcionar uma aceleração dos 0 aos 50 km/h em 6,5 segundos.

A Smart informou também que a versão eléctrica terá um consumo equivalente a 0,78 litros/100 km, o que é deveras surpreendente. Quanto aos preços, ainda não há muitas informações, mas sabe-se apenas que no mercado britânico, graças aos benefícios fiscais para veículos eléctricos, será proposto por um preço em torno dos 16.340 euros. Em Portugal o carro beneficiará igualmente de um subsídio.

O conjunto de baterias de iões de lítio fica alojado sob o piso, entre os dois eixos, no local onde normalmente fica o depósito de combustível de um Smart. Estas baterias podem ser recarregadas numa convencional tomada de 220 Volt: três horas serão suficientes para uma autonomia de 40 km, enquanto 8 horas de recarga durante a noite farão a autonomia total, estimada em 115 km.

5 Responses to Smart fortwo eléctrico

  1. João Grilo says:
    Este sim é um modelo que espero que venha a ter muito sucesso.
  2. Ricardo says:
    Com um custo de 25 a 30mil eur, a diferença de valor para o actual preço não compensa financeiramente. Faça-se as contas da diferença de valor e veja-se quantos depósitos pode encher…
    Para já, só por uma questão de ecologia…
  3. Pedro says:
    Já tive o prazer de conduzir um Smart eléctrico e fiquei muito satisfeito com o seu desempenho. Fiz algumas voltas na cidade de Lisboa, +/- 35 km, em que metade liguei o ar condicionado, posso dizer que parti com 100% de bateria e entreguei o carro ainda com 80%. A deslocação foi realizada com duas pessoas. Acho que o preço no futuro irá marcar o ritmo do sucesso das viaturas eléctricas.
  4. Eduardo Dias says:
    A tecnologia deste veiculo e de todos os outros ainda se encontra em fase de aperfeiçoamento,porque a intenção é chegar ao transporte do futuro que não pesa na carteira do cliente isto é barato e sem qualquer tipo de despesas adicionais.O ideal seria mesmo aquele veiculo que se recarrega em andamento com paineis solares para se poder fazer tantos kilometros como os de combustivel,todos este modelos que estão a sair estão limitados porque se continua a acompanhar este tipo de veiculo de taxas e despesas incomportáveis com baterias o que para a kilometragem que fazem limita a venda e desmotiva o cliente.Equanto não vier cá para fora o veiculo que faz tantos kms como os outros se recarrega em andamento e não tenha despesas incomportáveis para o desempenho que tem não é prioritário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *