Reciclagem baterias iões de lítio

Publicado em 29 de Agosto de 2009 |

À medida que mais carros eléctricos e híbridos que usem baterias de iões de lítio, os ambientalistas preocupam-se com a necessidade e capacidade para reciclar as baterias usadas desses carros. Os analistas da indústria acreditam que estamos a mais de 10 anos de ter que reciclar estas baterias usadas. No entanto as primeiras fábricas para reciclar estas baterias estão já a ser implementadas.

De acordo com um relatório do Nikkei, a empresa Japonesa Nippon Mining & Metals Co. E a GS Yuasa Corp planeiam começar a recolher baterias de iões de lítio de carros eléctricos ou híbridos de forma a poderem reciclar as suas baterias. Aparentemente o processo de extracção do lítio das baterias não é simples e ambas as empresas estão a trabalhar na tecnologia para o fazer de forma eficiente e lucrativa.

No mês passado o Departamento de Energia Norte Americano também atribuiu 9,5 milhões de Dollars à empresa Californiana Toxco para construir a primeira empresa Americana para reciclagem de baterias de iões de lítio. Embora a maior parte dos carros híbridos actuais use baterias com níquel, estima-se que a transição para as baterias de iões de lítio se dê a muito curto prazo. Estas baterias de iões de lítio são mais pequenas e mais levas, podendo armazenar mais energia e garantir maior potência aos motores.

Actualmente ainda não é economicamente muito viável fazer a reciclagem das baterias de iões de lítio, mas à medida que o mercado crescer e as baterias se tornarem maiores, a actividade de as reciclar será mais importante e lucrativa, para além dos bons impactos ambientais. No entanto estes novos veículos eléctricos que usam estas baterias ainda as poderão usar por muitos mais anos, antes que seja necessário trocar e reciclar.

A Bolívia é o maior produtor mundial de lítio. Estão cerca de 5,4 milhões de toneladas disponíveis apenas no deserto de Uyuni. No Chile existem cerca de 3 milhões de toneladas disponíveis e nos Estados Unidos cerca de 750.000 toneladas. Apesar de haver alguns relatórios em sentido contrário, não se estima que haja problemas com as reservas de lítio existentes.

Uma das características das baterias de iões de lítio que interessa realçar, é que estas, ao contrário por ex das baterias que usam os carros actualmente com ácidos e chumbo, as de iões de lítio não usam metais ou outros químicos nocivos para o ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *