Kit conversão carro eléctrico McMob

Publicado em 5 de Outubro de 2010 |

Para além da compra de um automóvel eléctrico novo, existe a alternativa da conversão de um qualquer veículo para motor eléctrico. Há quem tenha feito este trabalho complexo de conversão em Portugal, mas este trabalho não está ao alcance de qualquer um. A hipótese mais viável será recorrer a um kit ou a uma empresa que possa efectuar esse trabalho.

A McMob®, no âmbito do seu conceito, da promoção da sustentabilidade do planeta e da prossecução da redução das emissões de dióxido de carbono, está a desenvolver um kit de conversão eléctrico, com o intuito de transformar veículos com motor de combustão (gasóleo ou gasolina) em veículos totalmente eléctricos.

O kit McMob® é o primeiro incentivador da conversão de automóveis em veículos eléctricos em Portugal, produzido em termos industriais. Este kit consiste num kit estudado e concebido de raiz, criado pela MobiComuS, com pesquisa e desenvolvimento da construtora portuguesa de veículos eléctricos VE.

De seguida mostra-se as especificações do kit e do serviço de conversão:

ESPECIFICAÇÕES E PERFORMANCE:
– Motor de indução trifásico
– Potência: 27 kw
– Voltagem: 80 volts
– Binário: 230 Nm
– Velocidade máxima: 100 km/h
– Aceleração 0-60 km/h: 7,5 segundos
– Baterias: lítio

AUTONOMIA:
– Banco de baterias de 8 kw/h: 70 km
– Banco de baterias de 13 kw/h: 100 km

A conversão do seu automóvel em veículo eléctrico inclui:
– Inspecção de diagnóstico para verificação do estado geral do veículo;
– Instalação do kit McMob®;
– Substituição de amortecedores;
– Revisão completa do automóvel;
– Homologação da transformação.

Para além destes itens, existem outras opções extra:
– Remodelação integral do veículo (estofos, forros, pintura, etc.);
– Banco de baterias extra;
– Outros acessórios.

O kit McMob® está praticamente concluído e pronto a ser comercializado. O preço da conversão ainda não está definido, mas rondará um valor entre os 7.000,00€ e os 10.000,00€.

A tendência é para que este valor reduza gradualmente, em função do custo das baterias e da evolução da tecnologia, que permite autonomias superiores através de baterias mais eficientes. Nesta 1.ª fase, o kit McMob® está dimensionado especificamente para Smarts Fortwo (1.ª e 2.ª gerações).

Esta opção permite reciclar e actualizar automóveis com cerca de 10 anos e 100.000 quilómetros, transformando-os em veículos modernos, tecnologicamente avançados, económicos e ecológicos, com uma esperança de vida de mais 10 anos.

Os primeiros 10 inscritos podem reservar já o kit e converter os seus Smarts a um preço especial.

O kit McMob® permite, por um lado, antecipar a introdução de veículos eléctricos no mercado e, por outro, dar uma vida nova aos veículos mais antigos, ficando o carro com um motor zero quilómetros e de vanguarda, a um preço muito económico.

Poderão ainda companhar informações sobre o kit no facebook em: McMob

Websites: www.mcmob.eu | www.mobicomus.com

16 Responses to Kit conversão carro eléctrico McMob

  1. Vitor Santos says:
    Smarts?? E para quem tem um carro?
  2. Nuno Az says:
    A Victor Santos:

    “Perdoai-lhe Senhor, que não sabe o que diz…”

  3. Olá bom dia, eu gostaria de saber se nós poderemos eventualmente transformar um carro diesel num carro electrico, soube que em portugal já fizeram essa transformação num volvo e ao tudo o que indica esse carro ficou a funcionar,não estou certo mas acho que foi na zona de Leiria.
    Obrigado pela atenção dispensada.
  4. joao carlos rosado says:
    Olá bom dia, eu tenho um mercedes benz classe b 180 cdi de 2009, tinha muito gosto em saber se o Kit conversão carro eléctrico McMob é só para Smarts Fortwo (1.ª e 2.ª gerações), porque tinha todo o intresse nesta lteração, obrigado pela a atenção dispensada.
  5. VEpt says:
    João Carlos, essa questão teria que ser respondida pela McMob, aconselho-o a entrar em contacto com eles.
  6. helder Lourenço says:
    Bom!
    Do ponto de vista, economia, acho que estamos todos de acordo, muita coisa se propagandeia, mas na prática pouco ou nada se faz, pessoalmente defendo, urgência urgente, estou no ramo e tenho consciência de que os valores para um veículo eléctrico são especulativamente altos, não são para todas as bolsas.
    Será o travão das petrolíferas?
  7. Hélder Lourenço says:
    Concordo com o helder apesar do meu ramo ser instalações eléctricas
  8. Rui says:
    Há inúmeros sites americanos que documentam abundatemente bastantes conversões. Na Europa também não faltam fabricantes de componentes com a http://www.brusa.biz/index.php?L=1

    Agora existem uma porção de respostas que eu não vi em lado nenhum. Nomeadamente os aspectos legais. Existe algum processo de legalização dessas conversões? Provavelmente não. E por isso após uma conversão e gastos inerentes fica-se com um mono que para nada serve…

  9. sergio ferreira says:
    gostaria de saber casas que vendem o kit transformação, os motores e variadores de velocidade, obg
  10. Paulo says:
    Se estiverem interessados tenho uma carrinha de dois lugares electrica que foi transformada para funcionar a energia solar para vender 10.000 euros
    entre outros veículos electricos, contacto vssolarpaulo@gmail.com
  11. oliveira says:
    boa tarde, sera que poderia dar uma ideia de quanto fica mais o menos colocar esse kit no smart for two 1ª geração???

    obrigado pela atenção
    cumps

  12. M. Soares says:
    Será que o Smart for two 1.ª geração, como pergunta o Oliveira, ainda custa os 7.000 euros?
    Pessoalmente acho bastante caro.
    E a legalização, quanto custará?
  13. Ricardo says:
    O projecto está vivo ou morto?
  14. João says:
    Tenho algumas duvidas que gostava de ver esclarecida se possível, porque acho pertinente.
    1-Se é legal modificar um carro de propulsão diesel/gasolina para elétrico ?
    2-Se sim, qual é a documentação necessário para fazer a alteração no IMT do veiculo ?
    3-Como funciona ao nível da IPO é do tipo A ou B ( sei que os veículos convertidos para GPL é necessário a IPO do tipo B) ?
  15. VEpt says:
    Aconselho a passar pelo forum e colocar lá essas questoes. Há já varios projetos deste tipo em Portugal. É necessária IPO tipo B
  16. rosalia maria cruz says:
    Esta informação está desactualizada. Podem sff actualiza-la?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *