Google desenvolve veículo autónomo sem volante

Publicado em 29 de Maio de 2014 |

A Google tem tido um grande trabalho no desenvolvimento de carros autónomos. Desta vez, em vez de continuar a transformar carros disponíveis no mercado, a Google arrancou com a produção dos seus próprios veículos elétricos autónomos. Os objectivos para já são o fabrico de cerca de 100 protótipos para testar a tecnologia.

Durante a Code Conference, na California, este veículo foi apresentado, sem volante, sem pedais e sem espelhos retrovisores. Com a capacidade para atingir uma velocidade máxima de 40 km/h, o aspeto arredondado, ajuda a prevenir lesões em caso de acidente.

Os veículos “não terão volante, acelerador ou travão, porque não precisam disso. O nosso software e os nossos sensores fazem tudo isso”, garante a Google, que prevê contudo fazer testes com condutores que têm possibilidade de ter um controlo manual do veículo.

O primeiro protótipo transporta apenas dois passageiros e tem uma velocidade limitada de cerca de 40 km/h. Conta apenas com um botão para ligar e outro de ‘pânico’ que imobiliza rapidamente o carro se necessário.

O carro pode ser orientado através de uma aplicação para smartphone, sem intervenção humana. Por exemplo, através da aplicação, a viatura vai buscar um passageiro e automaticamente inicia a viagem até ao destino seleccionado no smartphone.

“Os veículos serão muito básicos”, sublinha Chris Urmson, director do projecto, “mas levam-nos até onde queremos pressionando um botão”. “E isso é um passo importante para melhorar a segurança nas estradas e transformar a mobilidade de milhões de pessoas”, acrescenta.

“Se tudo correr bem, gostaríamos de desenvolver um programa-piloto na Califórnia nos próximos dois anos. Se desenvolver como esperamos, vamos trabalhar com parceiros para trazer essa tecnologia para o mundo de forma segura”, afirma o diretor do projeto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *