Conversa com a SW Energy

Publicado em 24 de Janeiro de 2010 |

Para além de todo o tipo de divulgação de assuntos relacionados com os veículos eléctricos, queremos aqui partilhar com todos as opiniões e vivências de quem já lida no dia-a-dia com veículos eléctricos. Enquadram-se nesta categoria utilizadores de veículos eléctricos mas também vamos dar voz às empresas que já actuam no sector em Portugal.

Neste sentido, endereçamos o convite à SW Energy, uma empresa de Leiria que comercializa veículos eléctricos e que na pessoa do Sr. Orlando Pereira, aceitou responder às nossas questões.

VEPT: A primeira pergunta é se realmente conduz todos os dias um veículo eléctrico?

SW ENERGY: Quase todos os dias, pois não temos nenhum modelo específico para cada um dos sócios. As motas vão rodando por nós!

VEPT: Quer descrever-nos a actividade da sua empresa?

SW ENERGY: A Sw Energy apresenta-se num mercado emergente como uma empresa inovadora, mas sobretudo dinâmica, que pretende oferecer produtos e serviços orientados para a excelência ambiental. Assumimo-nos como instrumento de divulgação das energias renováveis e eficiência energética, desde painéis térmicos aos fotovoltaicos, terminando com veículos eléctricos, nomeadamente scooters eléctricas, conversões e protótipos eléctricos.

VEPT: Que tipo de acções de promoção têm sido feitas pela sua empresa?

SW ENERGY: A nossa acção concentrou-se sobretudo junto do público em geral, numa primeira fase. Assim, além do nosso site e publicidade em jornais, passamos o verão 2009 em algumas praias, estivemos num centro comercial, encontros de veículos eléctricos e agora vamos estar na Expomoto 2010!

VEPT: Acha que as pessoas já mostram abertura para a aquisição deste tipo de veículos?

SW ENERGY: As pessoas demonstram sobretudo desconhecimento do que são os veículos eléctricos. Não fazem ideia sequer que um VE anda e bem. Pensam que são feitos de pilhas e pouco mais. Mas quando experimentam ficam atónitas. A abertura começa por aí: EXPERIMENTAR, pois a fé é pouca no meio de tanta desinformação. Posso afirmar que toda a pessoa que experimenta fica convencida que o eléctrico é realmente a alternativa.

VEPT: Como descreve o tipo de cliente que vos procuram?

SW ENERGY: Pessoas ambientalmente correctas. Podia ser quem faz contas à vida, pois o eléctrico é muito mais em conta. Mas não é a questão monetária a principal. Procuram mobilidade, qualidade de vida, aliados à responsabilidade cívica do nosso planeta. São pessoas muito informadas, sabem o que querem e como querem, chegam a discutir pormenores técnicos muito pertinentes, bem ao contrário do que quando compram um veículo convencional!

VEPT: A que características dos VE os clientes dão mais importância?

SW ENERGY: Sem dúvida a potência, o conforto, a fiabilidade e a autonomia.

VEPT: E qual é o principal receio ao comprarem um VE?

SW ENERGY: A tecnologia está sempre a evoluir, num espaço de 2 anos as técnicas mudam muito. Mas esta desvantagem torna-se numa vantagem do eléctrico, pois podemos alterar os VE’s com grande facilidade. Outro receio são as recargas, pois a rede de carregamento está muito atrasada e é insuficiente.

VEPT: Pode partilhar quantos veículos eléctricos já venderam no mercado nacional?

SW ENERGY: Desde Outubro, já comercializamos 20 veículos, estando neste momento em ruptura de stock, pois temos encomendas já feitas e nada para entregar!

VEPT: O que espera relativamente à evolução do mercado em Portugal?

SW ENERGY: A evolução do mercado vai evoluir consoante a vontade das pessoas e do governo. Quer queiramos quer não, não há abertura. Parece que estamos adiantados, mas não! Vejamos 2 exemplos:

Em França (Paris), Suiça, Espanha, etc. há apoios directos à compra de motos eléctricas, chegam a dar apoios superiores a 1500€ e apoiam o abate. Além do mais não se percebe a taxa de IVA a 20%. Estamos a falar de veículos eléctricos a 100%!

No caso dos carros temos a proganda do apoio. Pois, então, se eu quiser comprar um carro qualquer (e não estar dependente de 1 ou 2 marcas) e transformá-lo, posso? E posso usufruir do tal apoio? Parece que não, pois ao comprar como, por exemplo, um Audi A4 ou um Renault Clio, terei que pagar todos os impostos (IVS, ISV) e só depois poderei fazer a transformação, e não tenho apoio nenhum. Incrível, estamos novamente a proteger a indústria automóvel! E se converter o meu carro, tenho algum apoio? não.
Mas se comprar um carro poluidor até tenho um apoio ao abate, não é? E qual o custo ambiental desse abate. Muito superior à conversão. Estamos a incentivar ao consumo e não racionalizar bens que ainda podem dar o seu contributo.

VEPT: Como se processa a assistência neste tipo de veículos? Contam com distribuidores a nível nacional?

SW ENERGY: Neste momento, já temos alguns distribuidores a nível nacional, que depois de formação estão aptos a responder ao solicitado e a dar assistência.

VEPT: E a formação dos técnicos que prestam a assistência é feita pelas marcas?

SW ENERGY: Exactamente. Cada marca tem produtos específicos.

VEPT: São conhecidas as medidas de incentivo à compra de VE implementadas pelo governo, acha que são suficientes?

SW ENERGY: Claro que não. Estamos a falar dum mercado microscópico que se não for fomentado, acaba por morrer na praia. Tem que haver um “choque eléctrico”, expressão para plagiar os tais choques tecnológicos e fiscais. As PME que se dedicam a este nicho não têm recursos suficientes para poder dar azo aos desejos dos clientes, que estão insatisfeitos com os produtos que estão a surgir.

Algumas medidas bem-vindas: incentivo à conversão, taxa de IVA reduzida, opção de escolha de veículo em novo (para depois converter) e não pagar as baterias de impostos associados a esses veículos, incentivo ao abate de motos, auto estradas e parques gratuitos paras VE’s (como na Noruega), um plano nacional de recarregamentos eléctricos apto a partir de Setembro (no mínimo 20 locais de recarga em cada capital de distrito, ainda não se consegue dar a volta a Portugal de VE!), incentivos às empresas. Há muito mais a fazer, mas já seria bom!

Mais informações sobre os produtos e empresas da SW Energy podem ser obtidas no site: www.swenergy.pt

4 Responses to Conversa com a SW Energy

  1. José Bastos says:
    Meus Senhores

    Como querem ser levados a sério, se não dão a cara!!, ou seja, não há um contacto vosso, um email, um telefone,enfim, orientem-se e poderemos falar!!!isto se souberem de que estão a falar???
    cumprimentos

    J. Bastos

  2. VEpt says:
    O contacto pretendido é o da SW Energy? é que o contacto do site veiculoselectricospt.com está disponível em todas as paginas do site no footer, e no header com link para aqui: http://www.veiculoselectricospt.com/sobre/
  3. António José says:
    É impressão minha ou a SW Energy fechou?
    Se sim, alguém sabe a razão?
  4. VEpt says:
    desconheço se é verdade ou não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *