Carros eléctricos para todos os gostos

Publicado em 28 de Agosto de 2009 |

A ofensiva eléctrica de vários construtores de automóveis vai continuar. O próximo Salão de Frankfurt vai ser a prova disso, onde muitas marcas vão apresentar os seus trunfos e protótipos para os próximos anos.

Muitas das marcas ainda estão a melhorar os seus carros híbridos, mas em paralelo estão com projectos de automóveis 100% eléctricos, confiantes no rápido desenvolvimento da popularidade destes veículos e com a certeza que o preço poderá diminuir assim como a autonomia e capacidade das baterias deverá aumentar.

De seguida estão alguns automóveis e projectos para todos os gostos, que mostram como a oferta de mercado poderá ser grande brevemente.

Smart Eléctrico
ev-smartCom as baterias de iões de lítio a serem fornecidas pela Tesla Motors, o Smart eléctrico verá a sua produção a iniciar-se em Novembro. Está previsto que tenha 41cv e uma autonomia de 115km. A aceleração de 0 a 60km/h faz-se em 6.5s, mas a sua velocidade máxima está limitada a 100km/h. A Smart informou também que a versão eléctrica terá um consumo equivalente a 0,78 litros/100 km. A venda ao público só deverá acontecer contudo em 2012.

Nissan Leaf
EV-nissan-leafA Nissan conseguiu apresentar o primeiro familiar acessível no mercado, concebido desde o início para propulsão inteiramente eléctrica. Em Portugal, deveremos ver o Leaf comercializado em 2011, beneficiando ainda de todos os incentivos que o governo proporcionará e que tornará o preço mais atractivo. O Nissan tem 108cv e espaço para 5 passageiros mais bagagem. As baterias, também de iões de lítio tem uma autonomia de 160km.

Mini E
ev-mini-eA BMW também está a apostar forte, com um intenso programa de testes, antes de comercializar o Mini E, com previsão para chegar ao mercado ainda em 2012. Nos EUA há muitas unidades a circular. Tem um motor de 204cv e pode acelerar de 0 a 100km/h em 8.5s. A autonomia do Mini E está prevista em 240km.

Renault Z.E.
ev-renault-zeA Renault é uma das marcas que mais está a apostar nos eléctricos e tem prevista a apresentação em Frankfurt de 4 modelos eléctricos. O Renault Z.E. (Zero Emissions) foi o protótipo que divulgou e serviu para testes dessa tecnologia. A Renault apresentará um eléctrico derivado do Mégane, um Kangoo Comercial, um mini e ainda um utilitário.

Opel Ampera
EV-opel-amperaA aposta da Opel, em parceria com a GM, aponta para um segmento de mercado diferente. Tem uma aerodinâmica cuidada, uma carroçaria elegante e tecnologia de vanguarda. Tem espaço para 4 passageiros porque os lugares traseiros são individuais. Não se trata de um veículo totalmente eléctrico, embora o combustível sirva apenas para carregar as baterias e não para accionar o motor.

Peugeot 0008
ev-peugeot-e008A Peugeot também prepara a ofensiva 100% eléctrica. Em 2010 deverá ser apresentado um citadino que dispensa qualquer motor de combustão. A Peugeot estabeleceu uma parceria com a Mitsubishi e foi buscar inspiração e tecnologia ao Mitsubishi iMiEV, que já é comercializado no Japão. Os dois carros partilharão o mesmo motor de 63cv e 180Nm que pode levar o carro até aos 130km/h. Terá capacidade para 4 passageiros e uma autonomia de cerca de 160km.

17 Responses to Carros eléctricos para todos os gostos

  1. Miguel Pinho says:
    A estética do Ampera está espectacular.
  2. João Seixas says:
    aposto que o Smart vai conseguir grande popularidade.
  3. Alexander says:
    A parir de Janeiro de 2010 quais são os carros eléctricos que se podem comprar, aqui em Portugal?

    Ou será que só em 2011 ou 2012 estarão disponíveis?

  4. VEpt says:
    Em Janeiro ainda não estarão disponíveis novos modelos, pois só mais tarde a Nissan e Renault disponibilizarão os seus novos modelos.
  5. Manuel says:
    Há dez anos que ando para comprar carro, mas como sou um ambientalista, ando á espera dos veículos eléctricos.
    Eu já 30 anos a traz já dizia aos meus amigos alemães que os motores de combustão e as Tv com o ecrã de Válvula já é uma tecnologia antiga… aqui estou á espera noque a pareçam os veículos eléctricos no mercado.
  6. pedro de souza says:
    E os projetos portugueses, o Futi, a Ceiia, o Metrobuddy? Ninguém quer saber?
    Estranho nacionalismo este!
  7. Ângela Dinis says:
    Estamos a devastar o Planeta a cada minuto que passa, ferimos a nossa mãe Terra que nos dá casa para viver e seria muito importante que estes veículos chegassem ao mercado com um preço acessível a todos. Mas parece que isso não vai acontecer!!!
  8. João Santos says:
    Finalmente a opção eléctrica começa a despontar, vulgarizando a opção que já no advento da industria automobilística existiu mas não subsistiu, devido à pressão da então já instalada Industria petrolífera, que vendo nesse mercado a galinha dos ovos d’ouro em que se tornou; inviabilizou essa possibilidade.
    Haja arte e engenho!
  9. Helena Lopes says:
    Quando é que podemos saber os preços destes veículos e quando é que se podem comprar?
  10. VEpt says:
    Os preços que já estão disponíveis estão aqui no site, se verificar no menu superior pode aceder a essa informação.
  11. Mª José Fernandes says:
    só espero q ñ demore muito a virem para o mercado e principalmente para os particulares… pois é q para empresas e serviços publicos já existem pq q para os particulares há tantas restrições????
  12. António Pires says:
    Gostaria de saber que incentivos existem neste momento para a compra de Carros 100% eléctricos
  13. VEpt says:
    Poderá aceder a essa informação aqui: http://www.veiculoselectricospt.com
  14. simão cardoso says:
    Não compreendo porqê é que aínda não há com abundancia no mercado Português, daqueles carrinhos, a que dão varios nomes, como os sem carta, com motor electrico, sem aquelas trapalhices de vidros electricos, feicho central, radio. etc.simples e praticos.
  15. Francisco Semedo says:
    Não entendo o elevado preço de lançamento destes veiculos,O motor electrico é de longe mais simples e barato,será a questão da Bateria,refiro-me apenas á duração da mesma. é preciso começar o futuro do automóvel esta aqui.
  16. jojo says:
    Existe 2 problemas: 1º o preço das baterias e 2º os interesses associados a esta nova tecnologia que a tornam mais cara.
  17. Geraldo Ferreira de Brito says:
    Há um certo tempo que também espero um carro eléctrico! Parecia que a tecnologia dos motores existia. O problema eram os acumuladores. Mas parece que não é isso.Estão a atrasar o seu lançamento pelo lado do preço e para darem tempo (para monopólios se organizarem) para controlarem o fornecimento de energia aos veículos… É isso?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *